Agora são: .Horas e .Minutos - Bem vindo ao Blog Co Dependentes Emocionais **Deus Te abençõe e Te Guarde **

terça-feira, 10 de maio de 2011

FOBIA SOCIAL OU TAS



TRANSTORNO DE ANSIEDADE SOCIAL (TAS) OU FOBIA SOCIAL

Algumas pessoas têm um medo excessivo de ser avaliadas, de ser foco da atenção dos outros. Temem ser avaliadas negativamente.

O transtorno de ansiedade social, faz com que o paciente imagine que as outras pessoas pensem que ele é incompetente ou estranho.

Se a ansiedade que esse paciente sente estiver atrapalhando as atividades do seu dia -dia ou seus relacionamentos interpessoais, ou ainda, estiver causando sofrimento intenso, ele precisa procurar ajuda especializada.

Esse paciente pode ter medo de falar em público, de escrever ou de assinar sob a vista de outras pessoas, de comer em público ou ainda, de vivenciar a maioria das situações sociais.

Precisamos diferenciar o TAS da timidez. O TAS ocorre quando a ansiedade é excessiva e persistente enquanto que na timidez é uma ansiedade normal que muitas vezes até contribui para um bom desempenho em situações sociais.

O paciente que possui esse transtorno sente :
1. Desejo extremo ou necessidade absoluta de aprovação social
2. Expectativa de avaliação negativa
3. A desaprovação é vista como uma "catástrofe"
4. Os tropeços são relembrados, freqüentemente, acompanhados de tristeza ou auto recriminação
5. Reações duvidosas dos outros são interpretadas como negativas.

Os tratamentos eficazes para o TAS consistem em medicação combinada com a psicoterapia.

Para se recuperar, o paciente deve seguir alguns passos:
1. Reconhecer o problema
2. Procurar ajuda especializada
3. Levar o problema a sério
4. Aprender sobre o TAS, seus sintomas físicos e psíquicos e as formas de controle e tratamento.
5. Procurar suporte de outras pessoas, familiares, amigos próximos e grupos de auto-ajuda.

É possível superar o TAS, mas a recuperação exige empenho, empenho este que vale muito a pena. Você não acha???

A depressão e o abuso de álcool ou de drogas são geralmente associadas ao TAS.

Como terapeuta floral e psicoterapeuta deixei aqui algumas idéias de como o TAS pode influenciar a vida de um paciente e que isso tem recuperação. A terapia floral entra aí, também, como auxiliar na recuperação desse transtorno.

É importante ter uma expectativa real do tratamento. A melhora não é linear, tem seus altos e baixos. O objetivo do tratamento é que o medo de passar por uma situação embaraçosa deixe de ser um problema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares