Agora são: .Horas e .Minutos - Bem vindo ao Blog Co Dependentes Emocionais **Deus Te abençõe e Te Guarde **

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Saiba porque os homens não conseguem terminar um relacionamento.




By Rô Carvalho


Homens (não meninos; os meninos nunca tomam essa postura, mesmo que tenham 50 anos nas costas) quando resolvem entrar num relacionamento realmente são movidos por amor, por incrível que pareça. Esse amor costuma vir em forma de reconhecimento dos seus super-poderes de macho alfa. Querem ser admirados pela inteligência, sucesso profissional, conta bancária, desempenho sexual e capacidade de proporcionar experiências incríveis.rsrsrs É verdade isso...

O motor do homem é saber que tem ao seu lado uma grande mulher que possa simplesmente reconhecer e potencializar sua ação no mundo. Alguém com quem possa ter orgulho de apresentar para os pais e amigos e dizer com brilho nos olhos: “minha mulher!”. Se tem aspirações em ser pai ele quer a mulher com valores sólidos e um tipo de vida que acompanhe seus ideais pessoais de crescimento pessoal.Isso em alguns casos, mas o fato é que ele busca segurança em uma candidata a ser mãe de seus filhos...srrs

Mas se ele começa a se deparar com uma mulher desanimada, pouco empenhada, crítica ao extremo e emocionalmente desequilibrada sua sede por construir algo junto diminui.(e lá se vai mais uma candidata pro ralo rsrsr) Quando decide que vai namorar ele quer ter o mesmo nível de sucesso que tem no trabalho, afinal é o tempo e o esforço dele que estão em jogo. A traição não é a primeira hipótese que vem na cabeça do homem, afinal ele começa um relacionamento apaixonado pela mulher e sabe bem o que quer (até que se prove o contrário).

Ele tenta todos os meios (que parecem bons para ele e nem sempre para ela) para chegar numa solução, conversas (à moda masculina), passeios, viagens, surpresas, sexo de qualidade até perceber que essa mulher é insaciável ou que seu comportamento não tem perdão.

Diante de tantas críticas e ataques femininos recheados de greve de sexo e mau humor exagerado alguns sinais começam a despontar e mostrar que a relação vai mau. O ponto é que o homem tenta equilibrar todos os seus desejos sem ter que abrir mão de nada, por isso acaba agindo como uma criança gulosa e egocêntrica.

O homem costuma terminar efetivamente o relacionamento quando já tem outra fonte de satisfação emocional como um novo emprego, grupo de amigos ou uma potencial nova candidata.(ou talvez várias pré-postos rsrrs) Dificilmente ele consegue terminar sem nenhuma outra perspectiva, afinal seu sentimento de autoafirmação não se sustenta sozinho. Além disso, é comum o homem ficar com o sentimento de culpa porque não supriu as expectativas da parceira, então para não sair como vilão da história ele leva o relacionamento até um ponto insuportável para a mulher.Isso quer dizer que, ele espera que ela que tome a decisão de dar um basta definitivo na relação, aliviando assim, o peso insuportável de seus ombros. (...:p)

O que seria o ideal? Que ele pudesse ser honesto e a mulher tivesse aberta a isso.
Seus vários devaneios sobre a relação que vivi:
“Eu tenho me sentido cansado, triste e sem disposição de investir na relação nos últimos meses. Alguns acontecimentos me fizeram duvidar da nossa capacidade de seguir em frente juntos. Sei que tentamos algumas soluções, mas agora já não quero mais tentar. Agora seguimos separados e mesmo doendo para ambos não quero que tenha esperanças.” (esse pensamento seria de um homem centrado, e maduro, sincero e de carater, mas a realidade é bem outra)

Essa conversa é possível? Sim. Comum? Não. Agradável? Nem sempre. Soluciona? Na maior parte das vezes. Alguém tenta? Quase ninguém.
E assim segue os relacionamentos perturbadores inspirando enredos de filmes, livros e novelas.

Existe uma fórmula mágica para se entender os homens? Não...Apenas nossa capacidade de observar as atitudes e os detalhes que eles deixam pelo caminho...

Cheguei a essa conclusão agora a noite, conversando com um amigo, que não sabe se sair de um relacionamento em que está...e não coloquei a visão dele no meu texto...eu apenas dei a interpretação que senti...

Mulheres, fiquem atentas, ao menor sinal de que algo não está bem na relação, chame seu amor para uma conversa franca e definitiva. Por que nada é tão degradante para uma mulher do que ser excluida em doses de conta-gotas da vida de seu parceiro...



3 comentários:

  1. perfeito....descreveu perfeitamente oque na maioria das vezes acontece mesmo...e se nos atentarmos com esses pequenos detalhes,,fecharmos as brechas tudo terminaria como começou...FELIZES PARA SEMPRE..

    ResponderExcluir
  2. Qdo li seu texto lembrei d um livro q li a alguns anos atrás, chamado O Poder do Macho, q fala o qto nós mulheres somos culpadas por essa super valorização do homem nas sociedades; já q somos nós, mulheres, q educamos e damos um reforço positivo a esta triste situação! cabe a nós , mulheres emancipadas e esclarecidas revertermos este triste quadro! Um super bju Rô.

    ResponderExcluir
  3. Carolina Lins, amiga...verdade em tudo o que postei, até pq vivi na pele durante 12 anos esse jogo de empurra...Não creio que a culpa realmente seja somente dele (homem)a nossa culpa como mulher é camuflar os sintomas visiveis, qdo o cara começa essas coisas, a gente tem que tomar uma posição favoravel a nós mesma, mas vendo pelo lado MADA, que somos, e a maioria do mulheril é MADA mesmo que não admita, vemos que os padrões enraizados na infância são bons contribuintes pra se manter esse laço amargo...Poxa...eu realmente sinto que a maioria dos homens sejam tão covardes e imaturos, e que sejam um misto de cafajestes camuflados...seria tudo tão simples se agissem com a verdade mesmo que ela doesse muito...Fica a dica a outras mulheres que saibam ver as coisas nas entre linhas e se desfaçam dessa amarra que as prende na dor e no sofrimento...Valeu Galera ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares