Agora são: .Horas e .Minutos - Bem vindo ao Blog Co Dependentes Emocionais **Deus Te abençõe e Te Guarde **

sábado, 6 de outubro de 2012

Dieta permite tudo, mas na ordem e hora certa

Fonte: Saúde.terra




Para quem está há anos tentando emagrecer e já tentou de tudo - do cardápio que segue as fases da lua até o que libera apenas chás e sopas nas refeições-, só a idéia de começar um outro regime é capaz de fazer o estômago roncar, não é mesmo? A boa notícia é que uma dieta ainda pouco citada nas conversas de academia e clínicas de beleza promete mudar o significado dessa temida palavrinha de cinco letras que insiste em assombrar o universo feminino. Dessa vez, a recomendação não é cortar nutrientes do prato, mas separá-los para serem consumidos em determinadas horas do dia.

» Conheça e experimente, na prática, a dieta dissociada
» Por que engordo comendo tão pouco?
» Assista à entrevista com João César Castro
» Chat: tecle sobre o assunto

O método de emagrecimento não é bem uma novidade, mas deve se tornar mais popular com o lançamento do livro Dieta Dissociada - Emagrecer com saúde comendo de tudo, do endocrinologista João César Castro Soares, da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Na obra, o médico defende uma dieta de nome complicado, mas de proposta bem simples, que ele aplica há 20 anos, e com sucesso, no tratamento de pacientes obesos.

A dieta dissociada reacende a polêmica sobre não consumir massas, pães e arroz após as 18h. Além disso, recomenda não incluir ao mesmo tempo no prato esses carboidratos com as proteínas de origem animal (carnes e ovos).

Na prática, macarrão à bolonhesa e arroz com bife, por exemplo, deveriam ser evitados. "Ao ingerir carboidratos junto com as proteínas, o organismo libera mais insulina, e este hormônio inibe a ação da lipase, enzima que queima a gordura", comenta Soares. Por isso, a separação favorece o emagrecimento.

Quanto ao melhor horário para consumir um ou outro tipo de nutriente, o médico leva em conta as necessidades do organismo. Pela manhã, de acordo com Soares, o corpo pede os carboidratos, porque precisa de energia. À noite nos preparamos para dormir, relaxar e enfrentar um período longo sem comer. "A proteína provoca maior sensação de saciedade, evitando os famosos assaltos à geladeira", garante.

Principais vantagens
De acordo com o endocrinologista, esse é o tipo de dieta que a pessoa consegue seguir pelo resto da vida, porque não faz restrição à qualquer tipo de nutriente. "Os alimentos são apenas separados, mas tudo o que o corpo precisa é consumido ao longo do dia", explica Soares.

Por isso, também não é contra-indicada para crianças, gestantes nem idosos. Para o médico, essa dieta é mais saudável do que outras restritivas que existem, porque ajuda quem precisa a perder peso, sem provocar danos à saúde por causa do desequilíbrio nutricional. "Um regime que só permite carboidratos no prato, por exemplo, a médio e longo prazos, leva ao acúmulo de triglicérides no sangue. Já uma dieta só de proteínas pode provocar aumento de colesterol e ácido úrico", ressalta.

Segundo levantamento feito por um spa médico que há cinco anos adota a dieta dissociada, é possível uma redução mensal de até 10% do peso do paciente. Uma mulher de 56 anos, por exemplo, conseguiu perder 48 quilos em apenas cinco meses. De acordo com o médico Soares, ela apresentava, no início, problemas de artrose no joelho e muita dificuldade para andar, pois pesava 118 quilos - distribuídos em apenas 1,65m de altura.

"Após perder 10 quilos, com uma melhora na articulação do joelho, pôde iniciar outras atividades físicas, como hidroginástica e natação, sempre na água para ter menos impacto. Posteriormente, começou a fazer caminhadas e esteira e hoje continua com a dieta mesmo fora da clínica", comemora Soares.

O outro lado
A nutróloga Samantha Enande, da Clínica Valéria Marcondes, diverge de opinião do médico, especialmente no que diz respeito a evitar carboidratos à noite. "O corpo precisa de calorias nesse péríodo também, e a proteína não vai fornecer isso", explica. "Além disso, a energia consumida pela manhã é gasta e você não consegue absorver a proteína ingerida à noite. Ajudaria a digestão noturna se houvesse consumo de um pouco de gordura, por exemplo, mas, como o intuito é emagrecer, não adiantaria nada", conclui.

O médico rebate e diz que outra vantagem da dieta é não propor nada radical. A proposta é que o consumo de carboidratos pela manhã e de proteínas à noite torne-se um hábito, mas uma "escapadinha" na rotina não irá interferir no resultado final. "Se quiser ir à cantina à noite, comer uma boa massa, não há problema", garante Soares. "Porém, se lembre de pelo menos não misturar carboidratos e proteínas." Ou seja, vá de espaguete ao sugo e não à bolonhesa. A mistura com a carne, segundo o médico, chega a dobrar as calorias no prato.

O endocrinologista também não abre mão de regras básicas para quem deseja emagrecer, como fazer mais refeições ao longo do dia, com intervalos de quatro a cinco horas entre uma e outra. O ideal, segundo o médico, seria fazer três refeições básicas (café da manhã, almoço e jantar), intercaladas por um lanche. "Isso facilita o processo de emagrecimento, porque acelera o nosso metabolismo, já que queimamos mais calorias para fazer mais digestões", explica.

Outro conselho que não pode faltar em qualquer regime e, por isso, também está nas regras da dieta dissociada, é o controle no consumo das guloseimas. "Infelizmente, quem quer emagrecer precisa sim controlar a compulsão pelos doces", adverte o médico. "O problema não é comer docinhos em eventos e festas, mas abusar todos os dias. A sacarose do açúcar comum faz o pâncreas liberar muita insulina, dificultando a queima de gordura. A solução é substituir o açúcar por adoçante ou mel natural", ensina o médico.


Serviço:
João César Castro Soares - endocrinologista
joaocesarcastro@yahoo.com.br

Samantha Christie Enande - nutróloga
Clínica Valéria Marcondes
(11) 3672-5911

Aviso importante

ESTE BLOG ESTÁ DE ACORDO COM A LEI 9.610 DOS DIREITOS AUTORAIS NA INTERNET.
PARA VER A POSTAGEM DE ORIGEM, CLIQUE NA FONTE OU NO AUTOR.

Obrigada pela visita e volte sempre!

RÔ CARVALHO


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares